24 de julho de 2014

Análise de Série: Jogos Vorazes

Títulos: Jogos Vorazes
              Em Chamas
              A Esperança
Autor: Suzanne Collins
Páginas: Total de 1151 páginas
Tradutor: Alexandre D’Elia
Editora: Rocco

Sabe aquela pessoa que se interessa pela série de livros depois de ter visto o filme? Esta sou eu. E geralmente não me arrependo, mesmo que o filme seja muito diferente do livro. Felizmente para Jogos Vorazes tivemos sorte eu acho, e é desta série que vamos falar hoje, no meu post de estréia.

Que a sorte esteja sempre ao seu favor.

Katniss Everdeen, 16 anos, distrito 12, se vê em uma situação horrível mas ao mesmo tempo inevitável quando se voluntaria como tributo no lugar de sua irmã Prim de 12 anos de idade no dia da colheita para mais uma edição dos Jogos Vorazes. Assim ela irá para a 74ª dos jogos que mataram muitas crianças de todos os distritos desde sua primeira edição. Só uma pessoa vence, e todos os outros tributos acabam mortos.

O Mundo

Essa é uma série distópica, ou seja: praticamente não existe felicidade em Panem. Sabemos que o verde das matas não é assim tão verde, que existe muita fome e miséria por todos os 12 distritos (já que um deles, o distrito 13, foi totalmente destrúido nos Dias Escuros, fazendo com que os Jogos Vorazes tomassem forma). De outro lado temos a Capital, pessoas ricas, que vestem roupas estravagantes e coloridas, e tem como principal diversão apostar em tributos e assistir aos Jogos Vorazes. Suzanne Collins faz, mesmo que sem querer, uma alusão ao mundo em que vivemos, já que Panem é o resultado do que nosso mundo se tornou com o passar dos anos, onde poucos tem muito, e muitos não tem praticamente nada.

Enredo

Nossa narradora é Katniss, e através de sua visão sabemos o que acontece em seu mundo (que não é muito vasto, pois moradores de outros distritos não podem ter contato algum, uns com os outros). Como trama principal temos os Jogos Vorazes, onde um menino e uma menina de cada um dos 12 distritos, são escolhidos como tributos no dia da colheita para lutarem até a morte, como forma de demonstrar o quanto a Capital é poderosa e reina sobre todo o resto de Panem. Na 74ª edição dos jogos, Katniss e Peeta formam o casal tributo, que veio a ser o mais famoso dos jogos.

Toda revolução começa com uma faísca.

Personagens

A personagem principal é Katniss Everdeen, a garota em chamas, que eu particularmente tenho vontade de nem sei haha ela me irrita. Ela praticamente joga fora todas as oportunidades boas que tem, é grossa com quem não merece, não sabe escolher entre dois meninos (uma escolha bastante óbvia na minha cabeça), e nossa, ela começa uma guerra! Mas sem Katniss, não teria livro, certo? Fisicamente ela é uma garota normal, que usa tranças e botas de couro por que vai caçar na floresta. Basicamente esta é a Katniss.

Meu pai cantava, todos os pássaros na área caiam no silêncio e escutavam. Sua voz era tão bonita, alta e clara e tão cheia de vida que fazia você querer rir e chorar ao mesmo tempo.

Vamos falar um pouquinho do meu personagem preferido? Peeta Mellark é o garoto do pão, que por piedade (ou amor, não sei mais) salvou a vida de Katniss, mais de uma vez. Ele é gentil e não tem talento nenhum para lutas, mas é filho do padeiro do distrito 12 e em tempos mais abastados aprendeu a fazer decoração de bolos, o que salvou sua pele durante os jogos e tudo que veio a seguir. Peeta é uma pessoa tão doce e tão carinhosa com Katniss quanto se pode ser, mesmo atrás das câmeras, longe dos olhos da Capital.

—Você me ama. Verdadeiro ou falso? — Eu digo a ele: Verdadeiro.

O terceiro personagem importante dessa série é Gale Hawthorne, e se existe pessoa que não gosto nesse livro mais do que a Katniss, é o Gale (mas essa é só a minha opinião mesmo). Ele é o melhor amigo da Katniss, vai caçar junto com ela desde muito pequeno, e acabou se apaixonando por ela, o que era reciproco. Porém Gale também precisa tomar conta da sua família, e graças a ele Katniss também acaba desgraçando muitas coisas importantes.

Temos ainda Haymitch Abernathy e Effie Trinket, respectivamente mentor e companheira dos tributos do distrito 12. Haymitch é alcoólatra e é o melhor dos mentores, o personagem mais engraçado e inteligente na minha opinião, juntamente com Effie, ingênua moradora da Capital que tenta animar seus tributos a todo custo. São dois dos personagens que mais cativam durante os livros.

E a lista ainda é enorme, temos o Presidente Snow, Cinna, os outros tributos, a família da Katniss, e por ai vai! Ufa!

Para finalizar, acho que Suzanne Collins fez a obra de sua vida. Apesar de compararem com outras obras, de fato Jogos Vorazes fez sucesso, faz e ainda fará. É uma obra ótima mas temos que ter em mente que ao ler Jogos Vorazes não estamos buscando uma história feliz, e sim distópica, que é ótima! Adorei muito ler esta série, cheguei a sonhar com isso haha É uma ótima opção de leitura em qualquer situação!

1 comentários:

  1. Olááá!
    Adoro essa série e o que me motivou a ler TAMBÉM foi o filme haha! :)
    Achei bacana a maneira de resenhar a série sem dar spoilers, tem muuuita gente que acaba soltando tudo dos livros!
    Adorei as frases escolhidas!

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir

 
Layout feito por Vinícios Costa editado por Silviane Casemiro | Todos os direitos reservados ©