5 de fevereiro de 2017

Resenha: O Bosque Subterrâneo

Um clássico para o século XXI, O Bosque Selvagem só poderia ter nascido da imaginação de Colin Meloy, celebrado vocalista da banda Decemberists. Vida de Prue Mckeel é bem normal até seu irmãozinho ser sequestrado por um bando de corvos. Nos mapas de Portland, no Oregon, existe uma imensa área verde às margens da cidade conhecida como “F.I.”, ou “Floresta Impassável”. Ninguém nunca cruzou seus limites, ou pelo menos nunca voltou de lá para contar. É exatamente nesse lugar que os corvos pegam o irmão de Prue. E é onde começa a aventura que levará a menina e seu amigo, Curtis, até o coração da Floresta Impassável e seus perigos e maravilhas.

 Título Original: Under Wildwood
Autor: Colin Meloy
Páginas: 432
Tradução: Rodrigo Abreu
Editora: Galera Record
Livro recebido em parceria com a editora

O Bosque Subterrâneo é o segundo volume da série As Crônicas de Wildwood e eu só descobri o fato quando a obra chegou aqui em casa e vi a capa de O Bosque Selvagem na contracapa do livro. É importante frisar que, apesar de eu não ter tido dificuldades para entender a história em si, senti falta daquela famosa descrição de personagens que só é feita em primeiros volumes de séries. Não chegou a me atrapalhar, mas a verdade é que eu não conheço tão bem os personagens como quem leu o primeiro livro.

Aqui, sabemos que Prue McKeel foi obrigada a entrar na Floresta Impassável para salvar seu irmão mais novo que havia sido sequestrado por estranhos corvos e que, apesar de terem voltado sãos e salvos, Prue não consegue mais ser a mesma. Isso porque participou de várias aventuras no bosque ao lado do seu amigo Curtis, que agora já é um bandido em treinamento. Tudo o que Prue tem agora é uma escola chata para frequentar, pais excessivamente preocupados e uma professora novata que não larga do seu pé.

Apesar de as coisas estarem aparentemente tranquilas para Prue, na Floresta não se fala em outra coisa a não ser o assassino que foi enviado para matar a menina. Aparentemente alguém não quer que Prue tome as rédeas de sua vida novamente, então Curtis e outros moradores da Floresta resolvem levá-la de volta ao bosque, onde, por incrível que pareça, permanecerá em segurança. 

Em paralelo à história de Prue, temos também a visão das irmãs Elsie e Rachel Mehlberg, que foram deixadas provisoriamente em um orfanato pelos pais por motivos de força maior. O grande problema é que o orfanato é tudo, menos um lugar para crianças viverem. Por trás das cortinas há um grande tráfico de trabalho infantil coordenados pelos donos do local. Digamos que Joffrey Unthank tem uma fixação um pouco fora do comum pela Floresta Impenetrável, tanto que ele está disposto a usar as crianças “desobedientes” como cobaias vivas para conseguir adentrar na floresta. Particularmente gostei muito dessa visão da história, ficava bastante ansiosa pelas partes onde Elsie e Rachel apareciam, tamanha a minha vontade de saber o que aconteceria com as duas.

Mesmo não tendo lido o primeiro volume da série, gostei demais desse livro. Fazia muito tempo que não lia uma fantasia tão bacana e, se eu tivesse prestado um pouquinho de atenção, teria procurado ler O Bosque Selvagem antes para aproveitar a história melhor. Colin Meloy sabe muito bem prender o leitor de uma forma leve, conduzindo a história da forma certa e criando vários pontos de clímax só para deixar aquela vontadezinha que todos temos de saber o que vai acontecer com os nossos amados personagens no fim. 

Prue e Curtis são personagens tão adoráveis que é impossível não se envolver ou até mesmo se apaixonar por eles. Digo o mesmo para Elsie e Rachel – ok, talvez eu tenha gostado um pouco menos da Rachel por causa da sua antipatia, mas tudo bem. Prue é uma menina muito corajosa para tão pouca idade e Curtis parece um irmão mais velho. Também gostei bastante da forma como o autor amadureceu a amizade entre os dois com o passar das páginas. 

O Bosque Subterrâneo é uma aventura e tanto para quem, assim como eu, está atrás de uma boa fantasia. As ilustrações de Carson Ellis são um espetáculo à parte de tão maravilhosas e condizentes com o enredo. A história é cheia de pontos altos e eu adorei acompanhar Prue e Curtis desbravando o bosque que deu nome ao livro e não vejo a hora de me encontrar com esses personagens novamente.

15 comentários:

  1. Tenho muita curiosidade em ler esse livro e o anterior a ele. Iria solicita-lo para a editora, mas por causa de um erro não deu certo.
    Gostei de ler suas impressões, mas acho que irei seguir a dica e ler o primeiro livro antes desse, para conhecer melhor todos os personagens.
    A edição é linda, pena que esse é um livro mais caro, porém amo fantasias, e ultimamente estou procurando livros mais leves do gênero, por isso estou com altas expectativas.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana! Confesso que não conhecia esse livro, mas sua resenha me chamou bastante atenção. Adoro livro de fantasia onde coisa estranhas acontece. Vou procurar pelo primeiro volume antes de ler esse, só espero que seja tão instigante quando esse segundo livro. A capa também é muito linda!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana!
    Eu amo fantasias, e ja ouvi falar muito bem a respeito do primeiro e segundo livro!
    Só tinha lido a resenha do primeiro, mas O bosque subterrâneo também parece ser sensacional. Achei estranho a parte em que as crianças são sequestradas por corvos (?) e por isso quero muito ler para entender do que se trata. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ana!
    Bons livros de fantasia são sempre uma leitura aprazível.
    E ver que além do sequestro o livro aborda o tema como tráfico infantil para trabalhos foçados, torna o livro até um pouco perto da realidade, apesar dos artifícios da fantasia que ilustram o enredo.
    Quero ler, mesmo sendo uma série.
    Desejo uma semana alegre e feliz!
    “Um saber múltiplo não ensina a sabedoria.” (Heráclito)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ana!!
    Também adoro livros de fantasia!! E esse livro parece ser muito interessante. Não conhecia essa série As Crônicas de Wildwood mas gostei muito! Espero ler em breve esses livros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ana Clara!
    Seu blog é muito fofo, estou amando. Ainda não deu nem tempo de ler o seu post, mas vim aqui dizer que estou chegando agora, li uma resenha sua no skoob, sobre a HQ Sopa de Salsicha e amei, vi seu link por lá e vim aqui conferir! Depois eu volto e acompanho o posto, ok? Um grande abraço e Parabéns pelo seu trabalho aqui. Muito lindo!
    Abração,
    Drica.

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Achei lindo o enredo e a capa...Vai pra listinha com toda ctz!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Eu até gosto de fantasia, mas faltou algo nessa série para me atrair completamente. Não sei se é pq achei juvenil demais, mas faltou um elemento que me atraísse completamente

    ResponderExcluir
  9. Não tenho acompanhado As Crônicas de Wildwood mas essa capa é maravilhosa, bem cara de cronicas. Gosto bastante desses gêneros, pois é mundo que queria que pudesse existir. E como não existe o que resta é fica lendo livros e aprofundando a imaginação neste contos maravilhosos e como se voltar a ser crianças, mas agora lendo historias mais complexas

    ResponderExcluir
  10. Olá, não conhecia esta série mas como ADORO livros de Aventura/Fantasia , já adicionei na minha lista. É tão bom quando a história tem personagens cativantes e marcantes pois só torna a leitura mais prazerosa. Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Adoro fantasia e fiquei interessada no livro foi pra minha listinha, fiquei intrigada com o que aconteceu na floresta ou algo que Prue viu para que alguém queira assassiná-la, depois que ela voltou da floresta. Adoro quando os personagens principais nos conquistam.

    ResponderExcluir
  12. Ain já adorei o livro do capa à resenha. Assim que bati o olho pensei "necessito na minha estante", ai li a sinopse, a resenha e vi que pra ajudar é uma série G-sus amado, me conquistou 100% ... com toda certeza lerei cada livro, pelo que vi na minha rápida pesquisa são 3 e só 2 foram lançados, algo assim. Obrigada por resenhar esse livro incrivel, tava querendo algo assim mesmo!

    ResponderExcluir
  13. Olá! Sou apaixonada por livros de fantasia e não conhecia esse, mas ele me chamou atenção, espero lê-lo em breve. Mas fiquei com uma dúvida (talvez seja porque não li o primeiro livro ou porque realmente seja um mistério): por qual motivo tem um assassino querendo matar Prue? O livro parece ótimo! Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Olá! Sou apaixonada por livros de fantasia e não conhecia esse, mas ele me chamou atenção, espero lê-lo em breve. Mas fiquei com uma dúvida (talvez seja porque não li o primeiro livro ou porque realmente seja um mistério): por qual motivo tem um assassino querendo matar Prue? O livro parece ótimo! Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Essa é uma serie que ainda não conhecia, mas gostei da historia desse segundo livro, achei legal que mesmo sendo um segundo livro parece nos trazer uma historia interessante e com bastante coisas acontecendo, mas quero ler a resenha do segundo livro para ver se realmente gosto dessa historia !!

    ResponderExcluir

 
Layout feito por Vinícios Costa | Todos os direitos reservados ©