7 de janeiro de 2018

Resenha: Entre Quatro Paredes

Um thriller sobre um sonho que torna-se pesadelo.
Grace é a esposa perfeita.
Ela abriu mão do emprego para se dedicar ao marido e à casa. Agora prepara jantares maravilhosos, cuida do jardim, costura e pinta quadros fantásticos. Grace mal tem tempo de sentir falta de sua antiga vida.
Ela é casada com Jack, o marido perfeito.
Ele é um advogado especializado em casos de mulheres vítimas de violência e nunca perdeu uma ação no tribunal. Rico, charmoso e bonito, todos se perguntavam por que havia demorado tanto a se casar.
Os dois formam um casal perfeito.
Eles estão sempre juntos. Grace não comparece a um almoço sem que Jack a acompanhe. Também não tem celular, que ela diz ser uma perda de tempo. E seu e-mail é compartilhado com Jack, afinal, os dois não guardam segredos um do outro. Parece ser o casamento perfeito. Mas por que Grace não abre a porta quando a campainha toca e não atende o telefone de casa? E por que há grades na janela do seu quarto?
Às vezes o casamento perfeito é a mentira perfeita.

Título Original: Behind Closed Doors
Autora: B. A. Paris
Páginas: 266
Tradução: Roberto Muggiati
Editora: Record
Livro recebido em parceria com a editora

Eu não sou muito de ler de suspense e todas as suas subdivisões — não é porque eu não gosto, só prefiro algumas coisas mais leves na maioria das vezes —, mas a sinopse de Entre Quatro Paredes me fisgou completamente. Logo nas primeiras páginas a gente sabe que há algo de errado com o casamento de Grace e Jack Angel, mas sem saber exatamente o quê. Tanto que, no início, eu pensei que o livro retrataria um relacionamento abusivo, mas é muito mais do que isso. Já adianto que é impossível falar sobre esse livro sem dar alguns spoilers, então já fiquem cientes. 

Aos olhos das pessoas de fora, Grace e Jack são a personificação do casal perfeito: ela resolver deixar o emprego que sempre amou para se dedicar exclusivamente ao marido e à casa, não vai a lugar algum sem que o marido a acompanhe, não tem celular e os dois até têm um e-mail de compartilhado. Quero deixar claro que, para mim, esse casamento já estava totalmente errado a partir destes pontos, além do machismo totalmente estampado. Foi justamente por isso que eu pensei que o livro se trataria de uma esposa tentando sair de um casamento abusivo. Bom, é mais ou menos isso mesmo, mas com mais um "detalhe": Jack é um psicopata, e Grace só descobre quando já é tarde demais. 

A narrativa de Entre Quatro Paredes mescla passado e presente, onde conseguimos entender como Grace caiu na armadilha de Jack e torcemos para que consiga sair dela. O Jack mostrado pela personagem principal antes do casamento realmente é o homem dos sonhos na visão de muitas mulheres, não por ser um advogado rico e famoso, mas por suas atitudes cavalheiras. Mas, na minha opinião, Jack já se mostrava abusivo e controlador desde o primeiro encontro dos dois, chegando até convencer Grace a pedir demissão do seu emprego, alem de fazê-la escolher entre ele a irmã mais nova da protagonista, Millie, que tem Síndrome de Down. O pior de tudo para mim foi Grace não conseguir enxergar que estava caindo numa cilada, mesmo se Jack não fosse um homem "normal".

Já no presente, Grace nos apresenta o verdadeiro Jack, um monstro que é capaz de matar para conseguir extrair das suas vítimas o que lhe dá prazer: o medo. Não foi muito difícil conseguir que Grace o sentisse, já que sua irmã mais nova estava na jogada desde o início. Assim, usando sua inteligência muito acima da média, Jack faz um jogo psicológico com a personagem, sem demonstrar um pingo de culpa ou remorso. Justamente por essas características, posso dizer que Entre Quatro Paredes é um livro muito envolvente. É impossível conter a curiosidade para saber o que vai ser de Grace e Millie, afinal.

Apesar de ter gostado muito da trama criada por B. A. Paris, achei que ela forçou algumas coisas. Para começar, não sei se isso realmente acontece na vida real, mas eu nunca me casaria com uma pessoa depois de apenas três meses juntos. Ainda tiveram outros pontos no decorrer das páginas que me incomodaram também, mas o que mais me deixou "é sério mesmo que foi tão fácil assim?" foi o modo como Grace finalmente consegue sair do seu cárcere. A verdade é que muita coisa teve que dar certo logo de cara para que o plano da protagonista funcionasse, e todos nós sabemos que não é bem assim que a banda toca. 

Ainda assim, considero Entre Quatro Paredes um bom livro, porque ele faz o que provavelmente todos os apaixonados por livros amam: prende e atiça a curiosidade. Eu queria desesperadamente chegar ao final, então a autora consegue manter a cadência da história, conservando uma atmosfera angustiante mesmo com todos os furos. Vale a pena ser lido, principalmente pelo vislumbre que dá sobre relacionamentos: será que a gente realmente conhece a pessoa com quem estamos nos envolvendo? Fica aí o questionamento. 

42 comentários:

  1. eu já tinha visto a sinopse desse livro e realmente ela é de fisgar o leitor, eu adoro suspenses, ainda mais aqueles que atiçam nossa curiosidade como esse, realmente parece ser um livro que trata sobre relacionamento abusivo e essas coisas, mas fiquei mais curiosa pra saber o que mais tem alem disso, e conhecer realmente quem é Jack, desculpe a palavra mas Grace me pareceu muito fácil para casar com Jack em 3 meses, quer dizer, mesmo que ele fosse o cara perfeito, não tem comooo gente. Esse é um assunto que me assusta muito, pois muitas vezes estamos tao cegas de amor por alguém que não percebemos quem realmente a pessoa é, e isso é algo que realmente acontece muito nos dias de hoje, confesso que Grace foi bem bestinha no começo, mas amor a gente n se discute né, é uma pena que ela foi perceber quem ele é tarde demais. Fiquei muito curiosa pra saber qual é o plano dela de fuga e como ela escapa já que parece ser muito dificil... Quero muito ler o livro e parabéns pela resenha, ficou ótima!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Ana! Eu adoro thrillers, mas achei a premissa desse bem pesada. É inegável o talento da autora para cativar o leitor pois como você falou isso está explicito desde a sinopse. O que me incomodou foi essa facilidade forçada, mas a autora soube criar um psicopata de dar medo. Não acho que só três meses de namoro seja suficiente para casamentos mas sem dúvidas existem muitos casais que fazem o mesmo, totalmente insano na minha opinião. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ameiiiii... quero muito ler esse livro! Nossa é um tema bem polêmico, mas é bem meu estilo, cheio de suspense e mistério, já descobrindo o problema mas querendo saber se tem algo mais para descobrir! Nossa preciso desse livro.

    ResponderExcluir
  4. Ana!
    O livro retrata a vida de muitas pessoas ao nosso redor que vivem apenas de aparência ou observam apenas o que é 'mostrado' em uma família, não sabemos o que realmente há por trás da vida das pessoas, infelizmente!
    Deve mesmo ser um livro que mexe com nossas crenças e muda nossa perspectiva, além de fazer com que repensemos sobre muitas coisas e atitudes.
    Uma pena que alguns trechos não a convenceram.
    Desejo Um domingo fabuloso e Novo Ano repleto de realizações!!
    “Chega de velhas desculpas e velhas atitudes! Que o ano novo traga vida nova, como o rio que sai lavando e levando tudo por onde passa.” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  5. Também não sou de ler suspense.
    Esse livro me parece muito forte e com uma história muito real. Não sabemos o que acontece entre paredes na vida de ninguém.
    Jack é cruel, sinto repulsa por ele só pela resenha.
    Não é um livro que eu queira ler, mas torço para que tenba um final feliz para Grace e Millie.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ana.

    Bom, acho que esse livro retrata bem a realidade de que não existe casamento perfeito, e que entre quatro paredes, tudo muda... As aparências enganam!

    Essa psicopatia do Jack é real. Mesmo sendo um thriller, um suspense (e não um livro que aborda especificamente esse tema) ele mostra a realidade vividas por muitas mulheres que se casaram com psicopatas!

    Eu já sei mais ou menos como é o final, mas isso não faz com que eu não queira lê-lo.

    ResponderExcluir
  7. Ao contrário, eu já não dispenso um bom suspense de maneira nenhuma! Amo, amo!!!
    E este livro está na minha lista de desejados desde que foi lançado e eu li a sinopse dele.
    Não. Com certeza, nunca conheceremos de fato quem está ao nosso lado, até porque penso eu, não conseguimos conhecer nem a nós mesmos com maestria.
    Lerei com toda a certeza do mundo!

    beijo

    ResponderExcluir
  8. Oi Ana!
    A sinopse do livro também me chamou atenção, tanto que o coloquei na lista de desejados. Só por ai já da pra perceber que o casal é de fato todo errado, mas eu também imaginava que seria uma relação completamente abusiva (o que não deixa de ser né?), e deu pra perceber que é pior que isso. Jamais me casaria com alguém depois de três meses, mas já vi isso na vida real, então sei que é provável que aconteça. Estou curiosa por esse final, apesar de ter alguns ponto questionáveis, o livro parece incrível.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Achei legal de sinopse mesmo, chama atenção. Mas nossa, tenho uma birra com relacionamento abusivo... mais pela raiva que passo vendo as garotas não enxergarem os sinais. Ao mesmo tempo a gente entende, não pode falar que não cairia em algo assim, mas nossa, me dá um negocio aqui dentro que fico fula. Só de ver falando que o cara fez ela pedir demissão, que fez escolher entre irmã, ahhh meu...
    Deve ser interessante ter essa visão de passado e presente pra ver tudo dando errado, mas que agonia!
    Parece ter uma narrativa boa e a história prende. É um livro que pretendia ler, mas agora quando é que não sei...

    ResponderExcluir
  10. Eu sou fã de livros de suspense e esse livro já está na minha lista de desejados. Mesmo com a sua observação de que algumas coisas na trama foram forçadas e a solução foi "fácil" demais, eu ainda quero muito ler.

    ResponderExcluir
  11. Olá, apesar das partes mal desenvolvidas que a autora podia ter aprofundado, a obra com certeza chama atenção com essa sinopse cheia de suspense, o que me lembra bastante a escrita da autora Liane Moriarty, uma das minha preferidas. Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Sou uma fã assumida de suspenses psicológicos e thrillers, e essa resenha me deixou babando! Logo percebemos que o cara dos sonhos não é tão dos sonhos assim, impor uma escolha pra amada, escolher logo entre ele e a irmã, você percebe na hora que é furada. Sempre acho válido retratar esses tipos de relacionamentos abusivos, ainda que fantasiosos, pode ajudar muitas mulheres a enxergar que tipo de pessoa elas têm ao lado.
    E esse Jack maluco hein, quero muito saber qual é a dele, que psicopatia ele tem e pratica. Parabéns pela resenha!
    Bjoxx ♥

    ResponderExcluir
  13. Olá Ana, só de ler a sinopse do livro já me chamou a atenção, eu gosto de livros que contenham suspense, pela sua resenha fiquei super curiosa em relação ao livro e querendo saber como Jack age e como ele consegue fazer com que Grace faça o que ele quer, e como ela conseguiu fugir do cárcere. Eu acho que a gente só conhece a pessoa com quem estamos envolvido depois de um tempo por isso acho que devemos conviver bastante antes de casar e tal, não foi o caso de Grace que casou rápido demais. Com certeza vou ler esse livro obrigada pela dica bjs.

    ResponderExcluir
  14. Oi Ana,
    Diferente de você, amo ler thrillers e Entre Quatro Paredes tem a sinopse mais instigante que já li. A vida de Grace é a realidade de muitas mulheres no mundo e, por mais que hoje haja recursos que podem ajuda-las, sempre terá casos como este, pois homens como Jack tem aos montes disfarçados de bons moços. A protagonista me parece ser muito inocente e isso é a principal característica buscada por homens machistas e controladores, pois elas não veem como o relacionamento vivenciado não é saudável. O enredo deve ser agoniante de ler e é o tipo de trama que me prende e me faz sentir ansiedade em tentar ajudar a personagem e não poder. É um livro que já está na minha lista de desejados e espero poder conhecer esta história logo.

    ResponderExcluir
  15. Gosto muito de livros de thrillers, gosto muito de ler livros de suspense, pela sua resenha este livro parece ser muito bom, a história parece ter bastante suspense, uma pena a autora ter forçado algumas coisas, como o modo que a personagem conseguiu sair do seu cárcere. Que bom que a história deixa o leitor curioso e envolve o leitor na leitura, sem dúvidas pretendo ler este livro.

    ResponderExcluir
  16. Olá! Acho que só de o livro conseguir te prender tanto a atenção, ainda mais por ser um gênero que não está entre os seus favoritos, já vale a leitura. Adoro livros que me deixam assim, louca para saber o final, o que vai acontecer, como as coisas vão se resolver, e por mais que esse não me atraia totalmente pela premissa, saber que o livro causa essa sensação já me deixa interessada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Amo thrillers!
    Assim que li o inicio da resenha, já pensei: o cara é um psicopata.
    Isso que dá assistir ID o tempo todo rs.
    Gosto muito de livros que se desenvolvem entre o passado e o presente.
    Gostei bastante da resenha, pode ter certeza que esse eu vou ler.
    Alguns pontos me remeteram para "A Garota no Trem".

    ResponderExcluir
  18. Oi, Ana!!
    Já li algumas resenhas sobre esse livro é toda vez que vejo uma resenha sobre essa estória maravilhosa ficou mais curiosa sobre esse livro de suspense!! Certamente aos olhos da sociedade Grace e Jack são o casal perfeito, mas infelizmente Jack esconde o seu lado mais desumano de todos!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  19. É difícil realmente conhecer as pessoas, as vezes tem umas facetas que desconhecemos, mas a personagem devia estar muito apaixonada pelo personagem que não se deu conta desde o começo como ele era, mas confesso que esperava mais dessa saída dela do carcere como dito não é nada fácil. Mas mesmo assim tenho interesse em ler ainda mais que prende a atenção do leitor.

    ResponderExcluir
  20. Olá! Não conhecia esse livro, curto muito esse gênero, essa resenha me deixou super curiosa em conferi essa história que parece bem envolvente e eletrizante.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Ana, so de ler a sinopse ja da vontade de ler esse livro, principalmente para mim que adoro esse genero. Nos deixa bem curiosos. Eu tambem estava pensando em um relacionamento abusivo mas eh muito mais do que isso. Amei suas explicacoes. E, com certeza, em algum lugar, deve ter uma mulher vivendo exatamente isso.

    bjs.

    ResponderExcluir
  22. Concordo contigo que a sinopse já mostra um relacionamento abusivo. De quando é esse livro?
    De uns 20 ano pra cá nós mulheres leitoras ficamos muito mais críticas e cientes do poder do feminismo, talvez por isso tenhamos verificado a temática machista só de ler o enredo.

    de toda forma, é um livro útil para um alerta, ainda que seja fictício.

    ResponderExcluir
  23. Gostei da historia do livro.
    Na sinopse fiquei intrigada tentando descobrir o que iria dar errado naquele casal perfeito. No começo eu achei que a mulher tinha algum problema, algo que a assustasse se saísse ou alguma doença mental, mas faz todo sentido o esposo dela ser o psicopata. Intrigada com a historia e com muita vontade de ler.

    http://garotaeraumavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oii Ana ;)
    Estou com esse livro aqui para ler, e bem ansiosa. Adoro livros do gênero thriller/suspense, e assim que a editora anunciou o lançamento de Entre Quatro Paredes fiquei bem animada para a leitura.
    Li um livro há pouco tempo, o Por Trás de Seus Olhos, e ele me tirou do eixo...um livro muito louco! Acredito que esse seja tão surpreendente quanto, de acordo com sua resenha.
    Já quero ler próximo mês o livro ;)
    Bjos

    ResponderExcluir
  25. Quero muito ler esse livro! Recentemente tenho saído da zona de conforto com alguns gêneros e thriller acabou por ser livros que gosto, coisa surpreendente porque sou muito medrosa. Adoro livros que tragam um personagem psicopata, pois a ansiedade e medo faz ser uma leitura intensa.Quero muito ler!

    ResponderExcluir
  26. Ooi, uma das minhas metas desse ano é ler gêneros diferentes dos que leio.
    E thriller com certeza é um gênero que quero ler mais, a resenha me deixou muito curiosa, parece ser uma leitura bem intensa.
    Lendo a resenha já comecei a torcer pela personagem, para que ela saia dessa fria.
    Bjs

    ResponderExcluir
  27. Adorei esse enredo, sou uma grande fã de suspenses e esse livro já me conquistou pela sinopse. Também acho um pouco estranho casar após 3 meses mas esse Jack psicopata deve ter usado seus truques. Gosto desse jogo psicológico entre os dois ele aterrorizando e ela tentando manter a calma e planejar como sair da situação. Meu palpite é que ela mata ele no fina (rs). Ele deve gostar de ficar próximo de mulheres aterrorizadas devido ao trabalho dele como advogado. Eu li serial killers anatomia do mal então me interesso por historias que tem psicopatas (cada um com seu gosto kkk).
    Obrigada pela dica!! Espero ganhar esse sorteio. :D

    ResponderExcluir
  28. Ahh, tem muito casamento com 3 meses de namoro por aí, acho um absurdo mas.. Parece aquelas séries do ID que a mulher sofre pra caramba, não desconfia de nada e só descobre quando a policia está invadindo a casa. Adoro o gênero! A lábia do Jack deve ser admirável e sendo advogado especializado em violência contra mulher, deve ter várias fãs o que deixa tudo mais irônico. Imagino uma cidade pequena chocada com tudo que vão descobrir.

    ResponderExcluir
  29. oi Ana,
    Diferente de você,eu sou completamente apaixonada por livros do gênero de Thriller/suspense;
    nunca tinha ouvido falar desse livro mas depois de ler essa sinopse,fiquei completamente interessada e até ansiosa para poder conhecer esse casamento "perfeito".
    Concordo com você em relação ao pouco tempo de relação, é muita loucura casar com alguem com apenas 3 meses de namoro.
    Só sei que tenho quero ler esse livro.

    ResponderExcluir
  30. Maravilhoso! Fiquei muito curiosa para descobrir o que há por trás desse casamento supostamente perfeito, o que será que está escondido dentro da casa desse casal, o que esse relacionamento esconde? Quero muito poder ler, amo suspense, e enquanto eu não descubro eu não páro de ler. Amei!!!

    ResponderExcluir
  31. Acho que o que eu mais gostei nesse livro foi o fato de abordar tão claramente violência doméstica que é realmente um assunto que precisa muito ser discutida e o livro prende você do começo ao fim então é realmente uma leitura válida para qualquer um

    ResponderExcluir
  32. Gosto de thriller, infelizmente com toda a violência a nossa volta acabo ficando meio desanimada de ler as vezes. Achei a sinopse desse livro bem interessante e fico na torcida desde agora para que a Millie e a Grace consigam sair dessa. O Jack parece ser aqueles personagens que deixam a gente irada, torcendo para que tenha o que merece, um verdadeiro vilão. Além disso o livro é bem curtinho e como atiça a curiosidade eu imagino que dê pra ler rapidinho.

    ResponderExcluir
  33. Gosto de livros de suspense, que me deixam na expectativa!! Infelizmente não conhecemos às pessoas realmente, mesmo convivendo com elas diariamente! O livro parece ser bem narrado, com uma estória bem fluída!! Já quero ler!!

    ResponderExcluir
  34. Eu sou louca por esse livro mesmo sem ter lido, gostei da capa e do titulo desde a primeira vez e a cada nova resenha lida, que por sinal adorei a maneira como tu colocou mesmo parecendo que teria spoiler ahahahah, mas tenho certeza que vou gostar. Parece ser o tipo de leitura tensa que se cria mil fantasias do desfecho o porquê das coisa, enfim QUERO ELE MUUUITO PRA MIM.

    ResponderExcluir
  35. Gosto bastante de livros que mostram o passado e o presente para ir explicando as coisas, deixando o leitor a par do que aconteceu, acho que eu ia gostar de ler este livro... me lembra mais ou menos de Sorrisos Quebrados, que estou lendo no momento

    ResponderExcluir
  36. Casamentos perfeitos e à moda antiga são por definição "assustadores", a história é meio clichê, mas sempre vale a pena dá uma chance para um bom thriller.

    ResponderExcluir
  37. Eu também não sou um leitor muito frequente de suspenses mas de vez em quando é legal variar mesmo. Ainda mais quando a sinopse é interessante, fica mais fácil começar e quando o livro é bom mesmo a gente devora o livro. Essa pegada de "casais perfeitos" que não são o que parecem são muito interessantes mesmo quando bem trabalhadas. Apesar das ressalvas, esse parece ser um bom título para experimentar uma leitura fora do habitual, uma ótima dica.

    ResponderExcluir
  38. Essa é uma leitura que sei que vou amor. Gosto muito de suspense e a sinopse desse livro tem tudo o que eu gosto. Que pena que algumas coisas são um pouco forçadas. Espero ver outras que compensem. Você diz sobre a personagem ir morar com o namorado com apenas 3 meses de conhecimento. Isso é mais comum do que a gente pensa. Já vi muitos casos assim e a maioria não termina muito bem. Espero poder ler o livro em breve.

    ResponderExcluir
  39. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  40. O meu ponto de vista pode não ser tão claro ou perspicaz como deveria ser, mas este enigmático relacionamento às vezes acontece na vida real. Relacionamentos abusivos existem em suas inúmeras formas, alguns são tão contundente que as próprias mulheres ficam submissas para aceitarem tal situações. Interessante ao saber que muitos casais preferem manter ás aparências para passar uma imagem totalmente contradizente a realidade. Fico imaginando como será a história de Grace ao longo do livro, estou curioso para ler esse livro. Na minha humilde opinião e gosto pessoal, livros de suspenses são um dos melhores gêneros literários.

    Parabéns pela resenha, gostei do seu ponto de vista sobre o livro.

    ResponderExcluir
  41. Amo esse gênero de livros! Há tempos ansiava por ler um livro assim. Fiquei super curiosa pra saber como a história se desenrola <3

    ResponderExcluir
  42. Já vou começar admitindo que fui pulando algumas partes da resenha pra evitar os spoilers rsrs To louca pra ler esse livro e quero ir me surpreendendo em cada parte!
    Eu adoro quando a historia me choca, quando os personagens não são nada daquilo que demonstram no inicio. Nunca li nada da autora, mas ouvi muitas coisas boas sobre o livro e sinopse me deixo bem curiosa isso sem falar que amei a capa
    Enfim, esta na minha listinha pra este ano
    espero poder ler logo

    ResponderExcluir

 
Layout feito por Vinícios Costa editado por Silviane Casemiro | Todos os direitos reservados ©