Uma Terra Prometida | Barack Obama


Eu sou uma grande fã da Família Obama, desde a primeira vez que os vi no noticiário, quando ainda era uma criança. Isso porque é uma família unida conseguiram chegar ao topo do mundo, a Presidência da maior potência mundial. O que poucos sabem é a história que existe por trás do icônico negro que chegou lá mesmo tendo origem humilde e nenhuma relevância do seu sobrenome na política estadunidense. Boa parte dessa história já foi contada no best seller Minha História, de Michelle Obama. Mas diferente da visão mais pessoal da vida da família negra mais importante dos EUA, Barack foca sua narrativa nos aspectos políticos e desenlaces que aconteceram antes e após a permanência na presidência por dois mandatos consecutivos. 

Barack Obama é um nome diferente, porque possui origem havaiana e queniana, aspecto que lhe dava a postura calma e firme de lidar com a vida. Diferente do que muitos pensam, ele não era um jovem brilhante ou fora da curva em aspectos comuns. O superpoder de Barack era ser um líder comunitário nato, algo muito diferente dos perfis mais empreendedores que assumem cargos políticos nos EUA. E justamente por seu caráter diferenciado, conseguiu impactar diversas pessoas ao seu redor e chegar até a Universidade de Chicago e posteriormente, a Harvard a fim de aprender melhor como melhorar a situação dos negros e população em geral na tão segregada e desigual metrópole americana onde se graduou.

E a partir desse ponto, a vida de Barack começa a se tornar em 1996 o furacão de glória política que conhecemos, com a ajuda de Michelle e outros apoiadores, ele chega ao Senado Estadual de Illinois onde fica até 2004. E nessa parte a vida pública se mescla com o casamento com Michelle, a morte da mãe de Barack e posteriormente do pai de Michelle. Apesar dos altos e baixos, o livro também conta a história de amor dos dois de maneira muito pragmática, mas cada escolha de adjetivos mostra como o amor dos dois é inabalável e foi decisivo para todos os eventos felizes que o casal viveu. 

Uma das dificuldades da leitura começa pelo tamanho do livro, com suas 764 páginas, mas não é a maior. Para nós brasileiros, fica difícil entender a política estadunidense com apenas dois partidos e eleições em um formato muito indicativo e menos focado no voto direto como no Brasil. Então, em algumas passagens do livro eu precisei buscar na internet como funciona o sistema dos EUA. Como já é uma leitura extensa, ficou cansativo e demorado para terminar. 

Entretanto, se você realmente é fã da história dos Obama como eu, deve ter esperado o post mortem  dos mandatos de Barack avidamente e esse não será um problema. Existem alguns momentos que ele comenta como era sua rotina diária de uma maneira muito realista e você consegue se sentir dentro da Casa Branca. Definitivamente uma leitura obrigatória para quem quer entender mais sobre política internacional ou pretende ingressar em cargos representativos. 

Além disso, existem várias histórias paralelas de assistentes de campanha, de governo, guarda-costas, jardineiros, enfim, de todas as pessoas que cruzaram a história de Obama nesses mais ode 20 anos de vida pública. Me intriga como esse livro foi construído de maneira tão concisa, apesar da infinidade de eventos que sucederam-se para que ele ficasse pronto. Acredito que sua construção aconteceu aos poucos, a medida que a carreira de Barack avançava, do Senado Estadual, passando pelo Senado Nacional e chegando à Casa Branca. 

Por fim, acho importante evidenciar que não é um livro de caráter autobiográfico apenas. É a história dos Estados Unidos de 1980 até dos dias atuais narrada sob a perspectiva de Barack Obama. Inclusive, estou ansiosa por uma versão condensada e com imagens do livro, para que possa inspirar mais pessoas, principalmente os jovens, que precisam do exemplo de um líder comunitário negro que chegou à presidência sem perder o brilho nos olhos e lotando todos os espaços onde discursava, com índice de aprovação notável.

Título Original: A Promised Land ✦ Autor: Barack Obama
Tradução:  Berilo Vargas, Cássio de Arantes Leite, Denise Bottmann e Jorio Dauster 
Páginas: 764 ✦ Editora: Companhia das Letras
Livro recebido em parceria com a editora

Postar um comentário

12 Comentários

  1. Não sou de ler esse gênero, mas quando a gente se depara com uma pessoa que a gente sabe que vai escrever coisas muito boas e passar algum ensinamento, não tem como não querer colocar na lista ne? Tem muuitas páginas, mas acredito que vale super a pena!

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Li o livro da Michele recentemente, e gostei bastante! Achei muito interessante entrar na vida pessoal deles, e conhecer mais.
    Já quero ler esse do Barack, mas sinto que vai demorar um pouco. Gostei que ele fala bastante sobre a política do EUA, e seu sistema, já que é bem diferente do Brasil.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Já tentei entender como funciona as eleições americanas mas já desisti rsrs.
    A trajetória dele sem dúvida serve como exemplo de que com dedicação e principalmente com o estudo pode se alcançar objetivos.
    Uma trajetória de sucesso sem dúvida.

    ResponderExcluir
  4. Pelas resenhas da pra ver as diferencas do "objetivo" dos livros da Michelle e do Barack. O livro da Michelle é quase, se nao, autobiografico neh, e ela fala de muitas questoes pessoais, que ao meu ver é mais interessante. Ja o Barack ta sendo mais focado no trabalho neh, sendo um livro beeeem mais politico. Ouvi dizer que vai ter um outro livro, uma sequencia, q segue ate o fim do seu mandato.

    ResponderExcluir
  5. Morro de vontade ler esse livro, não pelo lado político e até por aprender sobre política dos EUA,mas por trazer o Homem, o pai, o marido, o cidadão de bem que ao menos, sempre pareceu ser.
    Mas sim é um calhamaço rs e já fiquei sabendo que a fonte é bem pequena, coisa que dificulta demais o meu ler um livro assim.
    Quem sabe um dia, num kindle!!!
    Mas acredito que seja uma história imperdível!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  6. Olá! Estou com esse livro, e confesso que realmente, em um primeiro momento, o número de páginas assusta um pouco, mas acredito que vale muito a pena a leitura, para conhecermos mais da trajetória do Barack, concordo totalmente que algumas imagens, e uma escrita mais concisa tornariam a leitura ainda melhor.

    ResponderExcluir
  7. My,
    Também sempre curti os Obama, Barack, Michelle (minha xará perfeita), Sasha e Malia.
    Mesmo com essa certa dificuldade em relação ao formato da política norte americana, é uma leitura envolvente. Que se deve muito ao carisma de Barack

    ResponderExcluir
  8. Olá My!
    Apesar de não saber muito sobre a familia Obama, admiro os feitos que ele teve como presidente da nação mais poderosa do mundo (ainda tenho esperanças que ele venha chefiar o Brasil haha). Realmente mal entendemos o nosso modo de fazer política, então compreender a forma estadunidense de eleição é algo bem complexo, mas acho que vale a pena encarar as 700 e poucas página por toda a visão que história traz.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. MY!
    Sou bem fã da família Obama, da garra e da força que eles tem.
    Mis um livro a ser adquirido, porque mesmo com suas ressalvas, sempre bom aprender mais sobre a família, a política americana e os bastidores.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  10. Oiii, My,
    eu não sou muito de ler biografias, mas quem sabe né..
    Porém eu sou apaixonada por esse cara, quando ele foi eleitor nos estados unidos como presidente lembro que fiquei eufórica porque para mim era novidade ver alguém negra ser o primeiro presidente dos EUA, nossa, foi tudo...Quem sabe eu leia né!

    Beijocas:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  11. Eu simplesmente não gosto de não ficção, mas já li alguns de pessoas q eu admiro muito... tinha tanta gente falando desse livro q eu tive q pegar pra ler.. E QUE LEITURA!!! Foi incrível entrar na cabeça dele e ver como ele pensa e pelas coisas q passou... deu muito inspiração tbm.. agora eu to com vontade de ler o livro da Michelle Obama.

    ResponderExcluir
  12. Não conheço muito a história do mesmo, mas sem dúvida Obama é uma pessoa admirável.
    Não faz muito meu estilo, mas parece ser um livro que vale apena conhecer.

    ResponderExcluir