16 de março de 2018

Resenha: Trono de Vidro

Nas sombrias e sujas minas de sal de Endovier, um jovem de 18 anos está cumprindo sua sentença. Celaena é uma assassina, a melhor de Adarlan. Aprisionada e fraca, ela está quase perdendo as esperanças quando recebe uma proposta. Terá de volta sua liberdade se representar o príncipe de Adarlan em uma competição, lutando contra os mais habilidosos assassinos e larápios do reino. Endovier é uma sentença de morte e cada duelo em Adarlan será para viver ou morrer. Mas se o preço é ser livre, ela está disposta a tudo.

Título Original: Throne of Glass
Autora: Sarah J. Maas
Páginas: 392
Tradução: Bruno Galiza, Lia Raposo, Rodrigo Santos e Mariana Kohnert
Editora: Record 

Celaena Sardothien, mais conhecida como a assassina de Adarlan, recebe uma proposta que pode lhe garantir a tão sonhada liberdade. Ela participará de uma competição que visa nomear o campeão do rei, representando o príncipe. Essa é a chance que ela precisava para poder garantir sua liberdade.

O livro acompanha a assassina ao longo dos duelos, enquanto vive sob o mesmo teto que seus maiores inimigos, enquanto treina e luta visando garantir sua vitória na competição. Celaena se vê cada vez mais próxima do princípe, Dorian, e do capitão da guarda real, Chaol. Celaena é, sem dúvidas, uma das minhas personagens femininas favoritas, ela é forte, determinada e independente. Confesso que gosto mais dela do que da Feyre (protagonista da série Corte de Espinhos e Rosas, da mesma autora).

Muitos mistérios vão surgindo ao longo da história e muitos dos questionamentos que estarão presentes ao longo de toda a série começam aqui. O esquema de magia existente nesse universo é muito intrigante e complexo e o livro possui um tom bastante misterioso.

A construção dos personagens é excelente. Celaena, Chaol, Dorian e Nehemia são incríveis, cada um do seu jeito, lutando por seus objetivos, todos com ótimas motivações. O carinho que temos por cada personagem nos faz querer ler o livro sem parar.

Eu gosto muito do início e do final do livro. O desenvolvimento da história é um pouco lento e repetitivo, pois, basicamente, acompanhamos Celaena em seus treinos. Porém, é compreensível, já que se trata do primeiro volume da série e a autora aproveitou para apresentar o universo, os personagens e a magia.

Eu não costumo gostar de triângulos amorosos, mas, o triângulo apresentado em Trono de Vidro não me incomodou, pois foi sutil e, portanto, mais real. A edição está linda. A capa traz Celaena de frente, com roupas de combate, enquanto que na parte de trás vemos Celaena de costas com vestido, mas na mesma posição da capa. Acho muito criativo essa combinação.

14 comentários:

  1. É mais uma série dela que gostaria de ler alguma hora. Talvez depois de ler essa mais nova, animei mais com ela do que com essa pra falar a verdade. Mas essa parece ser ótima também. O primeiro livro já dá um gostinho de como as coisas vão ser, como a personagem é e pelo que vi dos outros livros a coisa fica alucinante. Acompanhar a história assim mais calma pelo começo é bom, te ambienta, te dá aquela amostra dos personagens e o que esperar deles...
    Triangulo amoroso é que me bota medo. Tem uns que não rola pra mim, mas outros que adoro. Espero gostar desse.
    No geral é uma história que chama atenção e dá vontade de ler, parece bem escrita e deixa a gente curioso por mais.

    ResponderExcluir
  2. Este foi um livro que não consegui ler. E olha que sendo bem sincera, já tentei duas vezes, mas sempre acabo abandonando a leitura.
    Maçante demais as cenas de treinamento, sei lá, parece que tudo se resume a isso. Mas entendo perfeitamente que é preciso deste início para que a série ganhe novos rumos do segundo livro em diante.
    Qualquer hora destas, retomo a leitura!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Conheci a escrita da Sarah através da série Corte de espinhos e rosas, e gostei bastante.
    Trono de vidro não me chama tanta atenção, mas gostei de saber que contém magia. Parece que tem muita ação, e Sarah sabe escrever essas cenas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Priscila!
    Os personagens são cheios de nuances, e tudo pode mudar de uma hora para outra, o que acaba tornando o livro muito interesante.
    A assassina parece ser duas personagens em uma só. A garota inocente que ela seria se o seu destino não fosse marcado logo quando criança, teve que dar lugar ao da assassina. Um lado frio e calculista que ela teve que aprender e desenvolver para sobreviver. Este lado é como uma carcaça usada quando preciso. Mas ela também tem seu lado doce que constantemente tem que manter escondido.
    Achei fascinante.
    Bom final de semana!
    “Quando choramos abraçados e caminhamos lado a lado. Por favor amor me acredite, não há palavras para explicar o que eu sinto...” (Renato Russo)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Priscilla.

    Juntamente com a oportunidade de ter sua liberdade, isso deu garra para a Celaena, para que ela fosse em frente, pois com cada esforço a liberdade se aproximava mais...

    ResponderExcluir
  6. Oi Priscilla,
    Trono de vidro é uma das fantasias mais comentadas nos últimos anos e isso só aguçou minha curiosidade a respeito da trama. Depois de muito enrolar com o livro estacionado em minha coleção, no inicio deste ano fiz a leitura e gostei bastante. A fantasia vai sendo nos apresentada aos poucos, mas no momento em que ela toma forma vemos o quando de mistério a autora reservou para a protagonista desvendar. E por falar na protagonista deixo aqui um ressalva a respeito do que Sarah J. Maas promete, uma assassina impiedosa e fria, mas não foi exatamente isso que encontrei. Celaena Sardothien é, sem dúvidas, uma personagem marcante, mas que se perde um pouco durante sua jornada. Espero que nos próximos volumes a autora foque mais no que Celaena é e nos traga mais ação.

    ResponderExcluir
  7. Oi Priscila!
    Eu sou louca pra ler essa série, tenho um dos volumes mas antes preciso começar os anteriores, e não vejo a hora de conferir a escrita da autora.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Tenho esse livro a um bom tempo mas ainda não li pois eu quero ter a serie toda e ler junta, sei que o livro é muito bom e sempre li resenhas positivas sobre a série. Não sabia que existia um triangulo amoroso mas gostei de saber que não é tão evidente assim.

    ResponderExcluir
  9. Tenho os dois primeiros volumes e estou esperando comprar os outros para ler de uma vez. Gostei de saber que a personagem é daquelas forte e que os personagens agradam, assim anima a leitura, ainda mais que tem mistério que adoro. Odeio triângulos amorosos espero não passar raiva com esse rs. É curioso a protogonista ser uma assassina e mesmo assim torcer por ela, fiquei intrigada com os motivos que a levaram a isso.

    ResponderExcluir
  10. Oi Priscila!
    Estou super ansiosa pra ler este livro desde que terminei o "Corte de Asas e Ruínas" da autora. Só não tive a oportunidade ainda pois quero comprar os livros e por serem muitos o dinheiro ainda não deu auhauha
    Também não curto muito triângulos amorosos mas como gostei do que autora fez na série passada, tenho certeza que irei gostar desse também.
    O primeiro livro sempre é um pouco mais cansativo de uma série pois acaba explicando muito da história e como será desenvolvida.
    Adorei a resenha e estou louca pra ler o livro, espero conseguir o mais breve possível.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi, Priscilla!!
    Adoro essa série Trono de Vidro e comecei a ler esses livros por indicação de uma amiga e agora quero ler todos os livros que a Sarah J. Mass. E realmente esse triângulos amorosos foi bem sutil.
    Bjos

    ResponderExcluir
  12. Eu nunca vi essa série da autora e no momento estou lendo primeiro livro da trilogia corte de espinhos e rosas que ela escreveu e eu confesso que eu estou apaixonada pela escrita e pela imaginação que a autora teve na hora de escrever esses livros e assim que terminar a trilogia de corte de espinho e rosas eu vou ler essa série Trono de vidro

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Essa é minha serie favorita, tenho uma relação de amor com todos os livros dessa serie e com todos os seus personagens, mas com certeza Celaena ocupa um lugar especial, ela é uma das personagens mais forte que conheço no universo literário e não de poder e uma das melhores coisas e que cada livro vai ficando cada vez melhor e autora vai sempre evoluído, uma das coisas que mais gosto na sua escrita e que ela não seque aquele padrão básico de conhecer o personagem, conflito, resolução e fins, ela vai mesclando tudo e ela consegue contar muitas historia em um livro sem ficar arrastando !!

    ResponderExcluir
  14. Oi Priscilla.
    Confesso que adora desanimei um pouco, estava muito ansiosa para ler o livro, porém isso caiu um pouco, pois, não sou fã de triângulos amorosos, mas fico feliz em saber que ele é sutil, mas ainda assim seria algo que me incomodaria com certeza e acho que você tem razão quando diz que por se tratar de um primeiro livro é normal que ele seja mais introdutória, enfim, agora não tenho certeza se lerei.
    Bjs.

    ResponderExcluir

 
Layout feito por Vinícios Costa editado por Silviane Casemiro | Todos os direitos reservados ©