Apenas Um Olhar | Harlan Coben


Apenas Um Olhar é a segunda obra de Harlan Coben que passa pelas minhas mãos e o motivo pelo qual decidi me associar à TAG. Criei tantas expectativas para esse livro que, quando comecei a ler e a narrativa não me prendeu logo de cara, fiquei extremamente decepcionada e desanimei um pouco de continuar a leitura. Quem me conhece sabe que 2019 foi um ano difícil para mim e por isso acabei adiando essa leitura para esse ano. E não me arrependo, pois o final foi tão arrebatador que compensou toda a enrolação do começo.

Nessa história Coben nos apresenta Grace Lawson, uma mulher com um passado trágico que a deixou manca e às vezes ainda lhe causa pesadelos. Quando ela pega um pacote de fotos que mandou revelar, encontra uma foto misteriosa de vários jovens, tirada anos antes, dentre eles seu marido. Quando Grace mostra a foto para Jack Lawson, ele nega estar na foto e desaparece. Ela começa então a imaginar o que tinha naquela foto que fez seu marido, seu amável marido, ótimo pai para seus filhos, sumir do mapa. Com a ajuda de amigos e outras pessoas, Grace vai descobrindo a verdade aos poucos, sendo obrigada a reviver partes do seu passado.

Como eu disse, a primeira parte do livro não me prendeu muito, Coben começa com um assassino conversando com um homem e de repente conhecemos Grace. Não que isso seja ruim, na verdade fiquei bastante curiosa com o que esse primeiro capítulo tinha a ver com o resto da história, mas os capítulos seguintes não me apresentaram nada extraordinário, nada que me fizesse pensar que não havia outra opção se não continuar lendo.

Conforme a narrativa foi fluindo, muitos personagens foram introduzidos e comecei a imaginar qual seria a ligação entre eles. Até a metade do livro não consegui pensar em nada, era impossível saber tudo o que estava acontecendo e como os fatos se entrelaçavam. Da metade pra frente a trama começa a ficar mais interessante e começamos a fazer nossas suposições.

Óbvio que 99,9% de todas as suposições que eu fiz estavam erradas. Mas as últimas 100 páginas foram as mais intensas e tensas da história. Mesmo na reta final eu me perguntei como tudo terminaria e como assim o que eu acabei de ler aconteceu? Mais uma vez Harlan Coben conseguiu me surpreender e, bem no final, mudar tudo o que eu pensava sobre a história. Tudo se encaixou, o que tinha de ser esclarecido foi esclarecido e de quebra ainda ficamos com um questionamento final que está me incomodando até agora.

Apesar de ter demorado mais tempo do que deveria para ler a obra, acredito que Apenas Um Olhar seja uma leitura obrigatória para os fãs do autor e do gênero. A edição da TAG foi enviada para os assinantes da caixinha Inéditos em julho de 2019, no aniversário de 5 anos do clube. E o livro também já está disponível na edição de livraria, publicado pela editora Arqueiro.

Título Original: Just One Look ✦ Autor: Harlan Coben ✦ Páginas: 432 
Tradução: Ricardo Quintana ✦ Editora: Arqueiro & TAG Experiências Literárias
Assine a TAG aqui
Ajude o blog comprando através do nosso link!

Postar um comentário

12 Comentários

  1. Ale!
    Devo concordar que o Harlan Coben é um autor que embasa bem todos seus enredos de livros e é o que mais conquista, porque um romance policial carregado de suspense e de trechos inesperados, tem de ser bem fudamentados para poder criar a credibilidade na história.
    Já quero poder ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  2. Coben é mestre em nos fazer de bobos. Traçamos teorias, ligamos pontos e no final tombamos.
    O que mais me chama a atenção é que ele cria Essa a reviravoltas e as deixa criveis, amarradimhas.
    Ainda não li esse mas já estou muito curiosa para descobrir o que tem nessa fotografia

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonada pelas letras do autor. Essa estranha mania(deliciosa) de dar um nó na cabeça da gente e nos deixar com cara de alface murcha quando tudo é revelado, é maravilhosa.
    Eu já tinha lido algumas coisas bem positivas deste livro, que felizmente voltou nessa edição de comemoração.
    Claro que já está na listinha de desejados!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ale
    Não li nada do autor, tenho muita vontade de conhecer sua escrita porque é um gênero que gosto demais.
    A leitura só flui quando estamos preparados para determinado livro, um livro que custou para ler foi A menina que roubava livros, depois que consegui ler não me arrependi.
    Está na lista de desejos, estou curiosa para saber todo esse mistério envolvendo o marido e as outras pessoas da foto.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li nada do autor, mas sempre leio bons comentários sobre a escrita dele.
    Expectativa sempre atrapalha, né? Mas fico feliz que uma parte da leitura tenha compensado o início enrolado.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá Alê!
    Comecei a ler a resenha e pensei "gente, será possível que um livro de Harlen tenha decepcionado?". Mas o autor conseguiu virar o jogo a seu favor e praticamente dá uma nova roupagem à história no terço final, surpreendendo o leitor.
    E já é característico de Coben nos enganar completamente e nos fazer desconsiderar várias teorias loucas, de modo que isso torna a leitura ainda mais divertida.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Nem sabia desse livro na tag! Gosto muito do autor e faz um tempo que não pego nada dele. O jeito dele escrever sempre me prende e apesar desse começo parecer mais parado da pra ver que ele vai criando aquele espaço pra teorias que a gente vai errar, personagens pra complicar a trama e muita coisa no final pra deixar a gente bem ligado na história. As conclusões dele e como me embolam toda é o que mais amo na escrita do autor. Parece mais um livro que iria gostar. Tem aquele mistério e aquela coisa de ficar tentando adivinhar. Adoro isso. Pra quem é fã é mais um mesmo pra entrar na lista de leituras dele.

    ResponderExcluir
  8. Eu sou completamente apaixonada pelo Harlan Coben, todos os livros que já li dele foram surpreendentes, melhor autor de suspense sim! E quem discordar é mentira haha

    Ele nunca nos decepciona.

    ResponderExcluir
  9. Oi Alê! Acredita que até hoje eu nunca li nada do Harlan Coben? E eu morro de curiosidade, pois é um dos meus gêneros preferidos! Achei, pela sinopse, a história um pouco estranha, mas se você achou o final tão bom assim deve valer a pena mesmo!
    Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
  10. A sinopse é bem instigante e a proposta do livro tambem. Sempre fui fã de livros de suspense e policial e encontrei no harlan coben um autor a quem adimirar. E essa edição da tag é muito linda

    ResponderExcluir
  11. Oi, Ale
    Quero ler todos do Harlan!
    Esse parece ser maravilhoso.
    Cheio de ação, suspense e boas reviravoltas!
    Tô curiosa pra saber tudo que acontecerá com a Grace.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. ola
    está ai um autor que sempre que posso compro os livros .adoro esse genero e quando o autor nos supreende .lista de desejados sem duvida

    ResponderExcluir