Por Trás de Seus Olhos | Sarah Pinborough

Após o término do seu casamento, Louise passou a se desdobrar para dar conta de criar seu filho, Adam, mas sem deixar de tirar um tempinho para si. Em um dia desses, em que resolveu ir a um bar para espairecer, Louise conhece um homem muitíssimo atraente, mas antes que um beijo trocado evolua para uma noitada daquelas, o homem pede desculpas e vai embora. Pouco depois, a personagem descobre que o cara que tanto lhe atraiu é ninguém mais ninguém menos que David, seu novo e casadíssimo chefe. 

Não bastasse esse cenário constrangedor, Louise acaba esbarrando com Adele, a esposa de David, na rua. Aparentemente ela é uma mulher muito solitária, com um casamento conturbado, e por esse e vários outros motivos as duas acabam criando um vínculo, ao mesmo tempo em que Louise passa a ter um caso com David. No meio de toda essa confusão, Louise ainda tem que lidar com seus terrores noturnos e Adele parece ser a única pessoa que consegue compreendê-la e ajudá-la. 

Desde o início, Por Trás de Seus Olhos tem uma atmosfera incômoda e misteriosa. É narrado sob o ponto de vista de Louise e Adele, então temos sempre duas perspectivas diferentes da história, mas sem saber exatamente o que está acontecendo de errado. A única coisa que fica óbvia é que existe um segredo muito sombrio envolvendo o casamento de Adele e David e, apesar de vários fatos serem apresentados no decorrer das páginas, é simplesmente impossível saber quem está mentindo. 

Nesse sentido, ei de confirmar que a narrativa é muito fluida e instiga, principalmente porque Adele parece sempre saber de todas as coisas, como se ela fosse onipresente, e é óbvio que queremos entender como isso acontece. Inclusive, na minha opinião, esse é o ponto que move a trama. Para desenvolver um pouco mais a minha opinião sobre isso, vou precisar falar algumas coisas que não são necessariamente spoilers, mas que podem estragar a experiência de leitura de alguns de vocês. Então, caso queiram ler esse livro, saltem os dois próximos parágrafos

Até primeira metade do livro, mais ou menos, eu acreditava piamente que estava acompanhando um suspense psicológico. Não deixa de ser, é claro, mas a partir da segunda metade Sarah Pinborough acrescenta elementos fantásticos que, ao meu ver, não casam muito bem o que havia sido apresentado até então. A sensação que eu tenho é que a autora não sabia exatamente para onde a história estava indo e simplesmente jogou essas informações para resolver os problemas apresentados. 

Para resumir, Adele também tinha problema com terrores noturnos quando era mais jovem e, a partir de um livro que ganhou de presente de David, começou a conseguir controlar os seus sonhos. Então, desde que era jovem Adele tinha sonhos lúcidos e ensinou Louise a tê-los também. Pra mim estava tudo certo até Pinborough simplesmente incluir um lado espiritual que é crucial para o desfecho. Mas de onde surgiu isso? Porque até chegar no final propriamente dito, tudo é mencionado de forma muito vaga, muito abrupta. Surpreende, mas não convence, o que me deixou muito indignada. 
 
Além disso, a rotina dos personagens é enfadonha: Louise é o extremo do clichê, com sua vida de mãe solo consternada; Adele, a esposa estereotipada perfeita — até que se prove o contrário, rs —, não trabalha, vive na academia, cozinha refeições maravilhosas e saudável, basicamente existe apenas para fazer o marido feliz; e David, o homem que se diz íntegro, "não pode, não quer", mas não consegue se desapegar da esposa por causa de situações que, na minha opinião, não se justificam. 

Ainda assim, como eu afirmei, a narrativa prende. Se eu falasse que não, estaria mentindo, visto que terminei o livro em uma sentada só para chegar logo no final e entender as ações dos personagens. Por Trás de Seus Olhos não é um livro necessariamente ruim — até porque eu não estou em posição alguma de classificá-lo assim só porque fiquei p*ta com ele —, mas, para mim, não passa de uma história mirabolante e absurda que diz que surpreende, mas não da forma como esperávamos.
 
Título Original: Behind Her Eyes ✦ Autora: Sarah Pinborough
Tradução: Alexandre Raposo ✦ Páginas: 352 ✦ Editora: Intrínseca
Livro recebido em parceria com a editora

Postar um comentário

15 Comentários

  1. Amigaa,
    eu tenho esse livro no kindle e quero muito ler, principalmente por conta da adaptação. Ao ver seu comentário sobre o livro fiquei bastante curiosa muito mais para saber o que acontece no final.

    Beijinhos: Tempos Literários

    ResponderExcluir
  2. Que primeiro parágrafo decepcionante hein? Mas fiquei bem presa à sua resenha, principalmente por falar que ele tem um mistério e ainda ser contado por duas versões, eu amo quando isso acontece, acho que fica mais envolvente.

    ResponderExcluir
  3. ola
    Eu cheguei a cogitar comprar esse livro desde que vi uma resenha que uma booktuber fez ,mas não comprei ,até que nesse ano por causa da serie ,o livro voltou com força total ,mas ai fui lendo umas resenhas que não me agradou ,coisas que a autora inseriu na trama Ai perdi a vontade de ler. já vi pessoas que assim como voce ficaram perguntando o motivo da autora colocar determinados elementos na trama .

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não li o livro,mas confesso que quero demais! Eu acabei devorando a série na tv num golpe só e fiquei até hoje, embasbacada com o final rs
    Mas sei que certamente há tantas diferenças entre livro e série que posso entender facilmente sua opinião.
    Eu ainda não tinha lido nada que não fosse positivo sobre o livro,mas adorei ter feito isso.
    Mostra que realmente cada leitor/livro são únicos e é isso que mais vale na literatura!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  5. Vou dizer que esse foi um livro que gostei mais de ver o povo falando do que deu vontade de ler mesmo. A narrativa dele parece legal pelo mistério e essa coisa de a gente ficar tentando entender personagem e tal. Mas foi só. Não senti aquela curiosidade toda pra ler. E já vi que tem umas coisinhas aí que não iria agradar muito, talvez. Não deu muita vontade de ler mesmo. Faz tempo aliás que essas narrativas assim não veem me chamando atenção =/

    ResponderExcluir
  6. Olá Ana! Estou doida pra ler esse livro e essa sua resenha me deixou ainda mais curiosa, curto muito esse gênero e essa história parece bem envolvente. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Ei Ana.

    Eu não curti tanto também não, faz tempo que li, mas dei 3 na época. Até gostei da série de TV, fica mais ágil e sem o lenga lenga todo da Louise, mulher lerda.
    Não me surpreendeu o final, eu saquei bem antes o que ia acontecer.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá, Ana

    Eu terminei a minisérie baseada nesse livro semana passada,
    Fiquei sem saber se gostei ou não. KKKKK
    Acho que a autora quis colocar algo muito impactante, que acabou fugindo do que todo mundo esperava do livro/da série

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá! Eita que a cada nova resenha que leio sobre esse livro, fico mais curiosa para lê-lo, esse enredo cheio de mistério com certeza é uma ótima razão para devorar o livro, e essa nova informação, de que temos essa pitada de sobrenatural, me deixou surpresa.

    ResponderExcluir
  10. Esse livro me deixou completamente desnorteada!
    Durante a leitura fui criando teorias, uma mais absurda que a outra mas nem passei perto do final.
    Me deixou de queixo caído

    ResponderExcluir
  11. Eu acho muito engraçado as resenhas desse livro e do filme, quero muito ler pra ver o que eu vou achar. Esse livro é muuuito 8 ou 80. Muito curiosa pra saber como é esse final tao dito pelas pessoas.
    Espero ler em breve, quero ler antes de ver o filme, ou é uma serie? esqueci.

    ResponderExcluir
  12. Olá, Ana
    Não li o livro, mas quero muito por causa da série.
    Esse livro causa um misto de sentimentos ao leitor e cada um tem uma opinião diferente.
    A trama parece ser interessante, intrigante e só lendo para ter minha opinião a respeito.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá Ana Clara!
    Eu gosto do gênero, e principalmente quando envolve um triângulo amoroso que não sabemos o que esperar (vingança da mulher traída? Honestidade por parte do marido? A amante dar um basta na situação? - e por aí vai). A autora usar de artifícios misteriosos e ocultos para levar ao desfecho da história me parece um pouco de "preguiça" em criar algo plausível no lugar, mas é inegável que no quesito suspense ela manda muito bem. Não sei nada sobre a adaptação, vou procurar mais informações e quem sabe não me interesso pela obra, né?
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. ANA!
    Um pena que ficou p*** da vida com o livro, por achar que não seria sobrenatural.
    Fujo dos triângulos amorosos, porém aqui, parece que ele tem um sentido, embora deixe o leitor na dúvida até o final.
    Se a trama é criativa, surpreendente e bizarra, já fiquei interessada, ainda mais por saber que o final foge dos padrões normais dos termos policiais.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  15. Eu estou super curiosa para ler esse livro, mas tenho visto tanta resenha negativa que eu sempre fico em duvida haha mas sua resenha me deu coragem para ler o livro e assim eu mesma julgar o que eu acho!

    Beijinhos
    She is a Bookaholic.

    ResponderExcluir