TAG dos 50% — 2021


Não sei vocês, mas eu amo postagens envolvendo retrospectivas, porque além de fazer a gente relembrar as coisas, é uma ótima oportunidade para vocês conhecerem um pouco mais daquele que vos fala. A TAG dos 50% é recorrente aqui no Roendo Livros desde 2017, e consiste em falar um pouco sobre os livros lidos até o último dia de junho, exatamente a metade do ano. A tag foi criada Chami do canal Read Like Wild Fire e traduzida pelo Victor Almeida do Geek Freak.

Para quem ficou curioso em relação às minhas respostas dos anos anteriores, não deixem de conferir os posts abaixo:


01. O melhor livro que você leu até agora, em 2021


Longo e Claro Rio foi um dos livros preferidos de 2020 do ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. É claro que essa informação foi o que me incentivou a lê-lo, mas me alegro ao dizer que a propaganda não é enganosa. A obra é realmente muito boa, com personagens ótimos e reais, além de uma reviravolta que literalmente surpreende. O exemplar veio pela TAG Inéditos de fevereiro, mas logo deve chegar ao mercado pela editora Trama.

02. A melhor continuação que você leu até agora, em 2021


Não sei se conta exatamente como uma continuação, visto que cada livro da série Os Bridgertons acompanha um irmão e pode ser lido separadamente, mas com certeza O Conde Enfeitiçado foi o melhor para mim, até agora. Não imaginei que fosse gostar tanto, principalmente porque a irmã em questão, Francesca, é pouco citada nos outros volumes... Mas fiquei bem feliz mesmo com a forma como Julia Quinn conduziu a história dela.

03. Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito


Faz um tempinho que a editora Intrínseca me mandou A Metade Perdida, na edição do Intrínsecos, mas ainda não consegui colocá-lo como prioridade, ainda que o enredo chame muito minha atenção. Narra a história de duas irmãs gêmeas, mas uma é vista como branca pela sociedade e a outra é vista como negra. Imagino que seja uma trama bem dolorosa, né? 

04. O livro mais aguardado do segundo semestre 


Nunca pensei que diria isso, uma vez que detestei o enredo de Simon Snow quando li Fangirl. Mas paguei língua, viu, mores? Depois de ler Sempre em Frente & O Filho Rebelde fiquei bem apaixonadinha, principalmente porque Rainbow Rowell conseguiu inovar nesse lance de histórias envolvendo bruxos e escolas de magia. Então, sim, eu tô DOIDA para ler Venha o Que Vier.

05. O livro que mais te decepcionou esse ano


Eu não ODIEI Para Sir Phillip, Com Amor, só esperava mais dele, entendem? Eloise Bridgerton era minha irmã preferida até eu ler o livro da Hyacinth, então certamente queria um livro à altura da personagem: forte, destemida, ia contra tudo e todos... E nossa, que raiva, gente! A sensação que eu tive é que ela foi reduzida a um nada casando com esse homem chato e sem educação, misericórdia. Não engoli.

06. O livro que mais te surpreendeu esse ano


Sempre gosto de colocar livros que me surpreenderam positivamente nessa questão. Eu amei Sem Ar, novo livro da Jennifer Niven, e me surpreendeu porque não achei que fosse ser tão bom quanto os outros da autora. Apesar da protagonista ser um pouco egoísta (o que vai mudando no decorrer da história), achei tudo de um tom muito sensível e bonito... E o Miah, protagonista masculino, é perfeito, maravilhoso, o sonho de consumo de qualquer adolescente que deseja um amor de verão!

07. Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente)


Até então, o primeiro lugar desse pódio fica com Liz Moore, autora de Longo e Claro Rio. Não sei necessariamente se é favorita, mas com certeza vou querer ler seus próximos livros que serão lançados.

08. A sua quedinha por personagem fictício mais recente

Acabei de perceber que respondi essa pergunta no item 06 no momento em que eu falei de Jeremiah Crew, o par romântico de Claude, protagonista do livro Sem Ar. Esse personagem é a essência do livro, mais importante que a própria Claude, na minha opinião. E tive uma quedinha por ele não só porque ele é bonito, mas por causa do jeitinho dele, sabem? Ai, só lendo pra vocês saberem.

09. Seu personagem favorito mais recente 

Ai gente, esse ano vocês vão me perdoar, mas não consegui elencar nenhum personagem que tenha me marcado a ponto de se tornar um favorito. :(

10. Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre 


Hibisco Roxo, sem nem pensar duas vezes. As cenas descritas por Adichie são muito chocantes, e uma em especial vai me acompanhar para o resto da vida — falei dela na resenha, inclusive. Chorei praticamente a noite inteira por causa desse trecho em específico. 

11. Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre 


Gente, pelo amor de Deus, esse livro é a coisa mais engraçada do mundo. É um compilado de perguntas que crianças e adolescentes fazem para Caitlin Doughty, que é agente funerária. Impossível não rir com Verdades do Além-Túmulo; a inocência das crianças é realmente uma dádiva. 

12. Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora, em 2021


Esse ano resolvi escolher uma série ao invés de um filme: Bridgerton, primeira temporada. Simplesmente apaixonada por tudo, até pelos inúmeros incrementos que não existem em O Duque e Eu, mas que fizeram toda diferença para o enredo. Sem contar que os atores que fazem o Simon e a Daphne tem uma química fora do comum. 

13. Sua resenha favorita desse primeiro semestre (escrita ou em vídeo)


Pela primeira vez em cinco anos a minha resenha preferida do primeiro semestre não é minha, rs. Me apaixonei tanto pelas palavras da Priscila no post dela sobre Pequena Coreografia do Adeus que seria muito injusto ela não aparecer por aqui.

14. O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano, até agora 


Essa questão realmente me deixou em dúvida... Cadu, meu namorado, me deu de presente as edições de luxo de O Duque e Eu e O Visconde Que Me Amava, que são as coisas mais lindas do mundo... Também poderia ter escolhido Dance of Thieves, que é igualmente linda, mas Lady Killers realmente foi o primeiro que me veio à cabeça. É maravilhoso tanto por fora e por dentro, uma das edições mais caprichadas da DarkSide. Se vocês quiserem, posso fazer um post no Instagram mostrando alguns detalhes, o que acham?

15. Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?

Sempre uma pergunta complicada, porque até o fim do ano já vou ter recebido mais um milhão de livros que quero muito ler, mas sempre escolho alguns que estão parados há mais tempo:

A Metade Perdida, Brit Bennett
A Casa do Lago, Kate Morton
Um Casamento Americano, Tayari Jones
Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, Taylor Jenkins Reid
Sadie, Courtney Summers
A Caminho do Altar, Julia Quinn

Se tiverem interesse em comprar qualquer um dos livros citados nesse post, utilizem o link de compra da Amazon do Roendo Livros. Vocês não pagam nada a mais por isso e ajudam muito no crescimento do blog. ❤

Postar um comentário

14 Comentários

  1. Que honra aparecer na sua tag dos 50%, amigaaaaaaaaaaa. Amei suas respostas. Tenho muita vontade de ler Hibisco Roxo.

    ResponderExcluir
  2. Quero muito ler Os Sete Maridos de Evelyn Hugo também nesse semestre e sem ar da jennifer niven to bem curiosa pra conhecer essa historia.

    ResponderExcluir
  3. Hibisco Roxo eu tinha passado bem despercebido até ler sua resenha emocionante aqui! Agora preciso muito dele!
    Lady é maravilhoso e sim, está entre meus livros mais lindos da estante também!
    Só falta Verdades Além Túmulo da autora para mim e eu amo muito a escrita da autora(aliás, a louca ama o tema morte rs)
    Sem Ar está na listinha de muito desejados e espero comprar ele em breve!!!
    Adorei suas respostas e vou tentar responder rs mesmo não fazendo muitos balancetes.
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, TUDO que a Chimamanda Adichie escreve é incrível. Fico boba. Se tiver oportunidade, leia!

      Excluir
  4. Olá
    Eu gosto muito dessa tag .Também tenho muita vontade de ler A metade perdida. E que bom ver os livros de epoca sendo citados aqui.
    Esse livro Longo e claro rio também tenho vontade de ler.

    ResponderExcluir
  5. Chimamanda nos fazendo sair da nossa bolha privilegiada e ao mesmo tempo sempre despedaçando nosso core.
    Ana, cê sabe o quanto amo a série Os Bridgertons, fiquei mega feliz de você ter dado uma chance....mesmo que não tenha curtido o meu livro fav da série O Visconde Que Me Amava.
    Surpreendentemente curti a adaptação e já quero a season 2

    ResponderExcluir
  6. aaa eu amo fazer essa tag com você :) Lembrei que fiz 2020 tbm e fui lá ver minhas respostas HAHA e se eu te falar que poderia começar da mesma forma que eu comecei o ano passado? "Nem me fale em tempo ocioso kkkkkkk a faculdade tá parada, estou tendo algumas coisas para estudar, mas não é a mesma coisa né?!"
    gente, chega dá uma tristeza viu?
    Mas enfim, vamos pra mais um ano e eu ainda estou chocada que já passamos da metade. O que é que tá acontecendo com o tempo?
    Até agora li 59 livros e desses 21 foram releituras. Acho que já te contei que amo reler livros, principalmente romances de época.
    Mas, com certeza, o melhor livro que li até agora foi Six of Crows e acho difícil que leia outro que seja melhor. Na melhor continuação vou colocar o segundo porque é uma duologia, Crooked Kingdom, esses livros são perfeitos do início ao fim, não vejo a hora de reler.
    Vou concordar com você sobre O Conde Enfeitiçado, li essa série em 2015 e ainda lembro da delícia de ler esse, por mais que eu não goste tanto assim da Francesca, mas o Michael é perfeito!
    Eu ainda não li o lançamento do semestre passado Rainha das Chamas, da trilogia de Princesa das Cinzas, mas está aqui do meu lado, pronto pra começar, mas estou adiando. Pra mim, o mais aguardado do segundo semestre é Serpent & Dove, na verdade eu já li, mas o livro é tão lindo, tão bom, que eu estou muito ansiosa pro livro chegar aqui.
    O livro que mais me decepcionou foi Sombra e Ossos e o que é mais engraçado é que é da mesma autora que Six of Crows, meu livro favorito. Eu queria entender como essa mulher escreveu esses dois livros, om tão pouco tempo de diferença, pra mim não faz sentido kkkkk Não vou negar que quando li também me decepcionei com o livro da Eloise, eu esperava tão mais :(
    O livro que mais me surpreendeu e aqui coloco logo a resposta que também me fez chorar foi Corte de Chamas Prateadas. Na verdade, não sei porque me surpreendeu, se Sarah só escreve maravilhosamente bem. Mas a profundidade da dor da personagem chegou até mim e eu chorei horrores. Queria abraçá-la em muitos momentos.
    No meu novo autor favorito, sem dúvida Leigh Bardugo, que mulher maravilhosa e o universo dela é sensacional!!
    Minha quedinha vai pro Cardan de O Príncipe Cruel, eu amei essa série também :) E meu personagem favorito vai pro Cassian, da acosf, que na verdade nem é mais recente, ele é meu crush desde 2018, quando li a série. Mas acabei relendo tudo antes de ler Chamas Prateadas, pra lembrar de todos os detalhes, então o amor ficou ainda mais forte.
    Um livro que me deixou feliz foi A Rainha do Nada, o final da trilogia de O Príncipe Cruel, na verdade os livros são maravilhosos. Mas ter um final tão bom faz seu coração ficar quentinho de felicidade ne?
    Eu poderia colocar Bridgerton, porque foi realmente sensacional!, porém estou ainda mais ansiosa pra segunda temporada que é do meu livro favorito. Vou colocar aqui Sombra e Ossos, também da Netflix, que foi PERFEITO. Ver os personagens do meu livro favorito desse ano na telinha foi arrepiante, até porque parece que eles saíram dos livros de tão incríveis que foram. Por mais que eu não tenha gostado de Sombra e Ossos, posso dizer que a série tá fenomenal!
    Eu leio resenhas todo santo dia, acho que fica impossível eu dizer qual gostei mais. Mas vale dizer que seu blog tá entre os meus favoritos? E leio tudo com muito carinho.
    O livro mais bonito na verdade foi o box de As Peças Infernais, ficaria horas babando em todas as três capas. Por fim, vou manter a mesma resposta do ano passado KKKKK eu PRECISO conhecer Trono de Vidro, não deu ano passado, mas eu comprei aquele box lindo que tem na Amazon, caríssimooo, mas era um sonho que eu consegui realizar. Não vejo a hora de começar a ler .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredita que eu não sou muito de releituras?
      Mas esses dias tava dando uma admirada na minha estante e vi vários livros que fiquei com vontade de ler de novo, de saudade mesmo da trama... Quem sabe?
      Eu nem sabia que Sombra e Ossos já tinha sido lançada menina, tô MUITO desligada de Netflix, credo. Acho que vou procurar pra ver.

      Excluir
  7. Ana!
    Gosto de ver o levatameento dos amigos, mas não tenho o costume das estatísticas...kkkk
    Muito boa toda sua retrospectiva do primeiro semeste.
    Acredita que ainda não assistia série dos Bridgtons? Pois é... muita coisa e pouco tempo, mas bem quero.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  8. Olá Ana Clara!
    Eu gostei bastante das suas respostas para a Tag, a ultima pergunta é um pouco cruel porque nós leitores estamos sempre enfiando mais coisa na lista rsrs. Vou deixar as minhas respostas:

    1 - O mito da Beleza, Naomi Wolf
    2 - Opostos (Saga Lux 4), Jennifer L. Armentrout
    3 - Problemas de gente rica, Kevin Kwan
    4 - Corte de chamas prateadas, Sarah J. Maas
    5 - Dexter: A Mão Esquerda de Deus, Jeff Lindsay
    6 - Nove regras a ignorar antes de se apaixonar, Sarah MacLean
    7 - Chimamanda Ngozi Adichie (não tem como não amar essa mulher rsrs)
    8 - Daemon, da Saga Lux
    9 - Callie, de Nove regras a ignorar antes de se apaixonar
    10 - Juntos Somos Eternos, Jeff Zentner
    11 - O Pequeno Príncipe, Antoine de Saint-Exupéry
    12 - Bridgerton também
    13 - Tempo de reacender estrelas, Virginie Grimaldi, foi a minha resenha favorita aqui do blog
    14 - Os Segredos da Felicidade, Lucy Diamond
    15 - O peso das dietas, Sophie Deram; A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes, Suzanne Collins; Americanah, Chimamanda Ngozi Adichie; A Troca, Beth O'Leary e O Filho Rebelde, Rainbow Rowell.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Americanah é é MUITO bom, mas triste que só vendo.
      Aliás, tudo que eu li da Chimamanda até hoje achei triste e profundo... Acho que é por isso que gosto tanto!

      Excluir
  9. Olá! Adoro responder essa tag, então vamos lá: minha melhor leitura do semestre foi 1984 eita história assustadoramente assustadora #sóacho, melhor continuação foi Paixão ao Entardecer da Lisa Kleypas, que eu não sei por que demorei tanto para ler, tem vários livros que eu quero ler A metade perdida é um deles, um livro muitíssimo aguardado por mim é o último da série O Clube dos sobreviventes, ansiosa pela história desse casal, aí aí meu coração. Um livro que me decepcionou foi Coração Valente da Katy Regnery, um livro que me surpreendeu foi Anne de Ingleside, acompanhar o crescimento daquela menina lá de traz foi só amor e alguns sustos, afinal estamos falando da Anne né. Acredito que não li nenhum autor novo (#sorry), Pauline de Uma duquesa qualquer é meu personagem favorito de todos os tempos #semmais, me fazer chorar já não é assim tão difícil, por isso 1984 conseguiu essa façanha, mas também com aqueles últimos capítulos não tinha como não me acabar em lágrimas, tamanha minha revolta com o final, um livro que me deixou feliz foi Amor de Cabelo, leitura rápida e gostosa, Ahhh adaptação não sou capaz de opinar (risos). Esse ano eu até que estou sendo abençoada no quesito ganhar livros bonitos (amém), mas vou escolher O sol é para todos, edição de capa dura dourada, que é também um livro que eu quero muito ler ainda em 2021, nada que uns dias/horas a mais no meu ano não me ajude né. Dos seus livros também me decepcionei, um pouco, quando li Para Sir Phillip com amor, e com certeza Um conde enfeitiçado está no meu top 3 de livros favoritos dos Bridgertons, Lady Killers é realmente muito lindo!

    ResponderExcluir
  10. Oiiie,
    Amei ver o seu balanço geral amiga.. Ainda bem que você gostou de Os Bridgertons, eu preciso muito finalizar essa historia.. Eu amei demais a adaptação, porém mudaram algumas coisas que não gostei, é sobre isso. kkkkkk

    Beijocas:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir